Ads 468x60px

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Igreja Batista da Lagoinha doa TVs para presídio, mas diretor só permite programação religiosa

Uma das principais denominações evangélicas de Belo Horizonte (MG), a Igreja Batista da Lagoinha, bancou a instalação de TVs LCD de 32 polegadas em todas as celas de uma prisão da cidade.

Os aparelhos ficam praticamente o tempo todo sintonizados na emissora da igreja, a Rede Super.

Os presos do Ceresp (Centro de Remanejamento do Sistema Prisional) São Cristóvão não têm a opção de desligar a TV -no máximo podem tirar som e brilho na hora de dormir- e o controle de canais é feito na sala do diretor, Luís Fernando de Sousa, membro da igreja.

Em funcionamento desde 3 de outubro, o sistema é considerado um sucesso pelo governo mineiro, que o está levando para outras unidades.

Segundo Sousa, as TVs levam tranquilidade às dez celas do local e deixam os detentos “amparados espiritualmente”. Ele disse que a igreja propôs a instalação.

“Você chega na cela e está todo mundo quietinho, de olho na TV. Mudam a forma de conversar, falam “bom dia, senhor diretor, tudo bem?” É gratificante.”

O diretor contou que a Rede Super fica no ar “24 horas, praticamente”. A preferência, disse, não foi imposição da igreja, mas escolha “natural”, já que a Rede Super não tem “pornografia nem apologia ao crime”. O canal exibe os cultos da igreja.

Ele disse que abre espaço para as emissoras católicas Rede Vida e Canção Nova e, recentemente, para a TV Justiça e para um canal educativo. Um preso disse à Folha, porém, que são raros os momentos sem a Rede Super.

Sousa descartou exibir outros canais por terem “muita droga e crime” e passarem programação “não salutar”.

Outro argumento é que o Ceresp é um centro de triagem e os presos costumam ficar lá só cerca de uma semana. “É o tempo que tenho para plantar a semente”, disse.

Sousa guarda em sua sala uma coleção de DVDs que exibe para os presos, por passarem “mensagem boa”.

São filmes bíblicos na maioria, mas também sobre vida animal e sucessos como “À Espera de Um Milagre”, que se passa em uma prisão e emocionou os detentos, de acordo com Sousa. “O cara está preso e vou passar “Fuga de Alcatraz’?”

MULHER NUA E GUGU

O diretor disse que só tem ouvido elogios, mas, ao visitar o local, a Folha viu que o projeto não é unanimidade. O preso Marcelo Corrêa disse sentir falta de poder mudar de canal: “Queria ver o que acontece no mundo”.

O Ceresp abriga presos célebres, como Sérgio Sales (primo do goleiro Bruno), Thales Maioline (chamado de “o “Madoff mineiro”) e membros da torcida organizada Galoucura, do Atlético-MG, suspeitos de matar um torcedor do Cruzeiro.

Roberto Augusto Pereira, o Bocão, presidente da Galoucura, disse sentir falta de assistir a notícias e jogos de futebol. “Mas já adianta para passar o tempo”, afirmou.

Entre os satisfeitos com a programação evangélica está Denison Balbino, preso sob suspeita de tráfico de drogas, que disse ter se reencontrado com a religião graças à TV.

“A religião é um fator de refreio social. A gente aprende isso em sociologia”, afirmou o diretor Sousa.

Ele rechaça ceder aos apelos de liberar a programação. “Eles não têm instrução, não estão preparados para escolher o que é bom, vão querer ver programa com mulher nua e o do Gugu”, afirmou.

Sousa disse não acreditar que restringe a liberdade dos presos e que faz o mesmo que prisões que obrigam os detentos a trabalhar ou estudar.

O subsecretário de Administração Prisional de Minas, Genilson Zeferino, disse que a parceria com a igreja é “fantástica” e que as TVs são uma “peça fundamental na humanização” dos presos.

O juiz Márcio Fraga, do CNJ (Conselho Nacional de Justiça), disse considerar “imprópria e absurda” a medida. Apesar de afirmar que as TVs podem tranquilizar os presos, ele lembrou que o Estado brasileiro é laico.

Mega-igreja americana substitui anúncio ateu com mensagem cristã

Bem em tempo de Natal, o outdoor em Nova Jersey que declarava Natal é “mito” foi substituído esta semana por um cartaz cristão.

O novo outdoor apresenta “Deus é” e uma infinidade de palavras e frases incluindo “bom,” “vivo,” “Jesus,” “ciente de sua luta” e “aquele que te amou.”

O anúncio está localizado próximo ao Túnel Lincoln, um dos túneis mais viajados no mundo. Foi patrocinado pela Igreja Times Square o qual tinha os mesmos anúncios estampados em mais ou menos 1000 vagões de metrô da cidade de Nova York no início deste ano.

“Nós queremos encorajar as pessoas a buscarem a Deus e provar que de fato Ele é,” disse o Pastor Sênior Carter Conlon.

O anúncio, disse ele, descreve Deus “em apenas algumas das infinitas maneiras que Ele prova Sua presença para nós todos os dias.”

Este é a segunda campanha pró-Deus para atingir a área desde que os Ateus Americanos lançaram o seu cartaz anti-Natal. Por cerca de um mês, o grupo humanista tinha um anúncio que mostrava três reis magos visitando o bebê Jesus na manjedoura e as palavras “Você sabe que é mito. Esta temporada comemora razão.”

O outdoor ateu foi projetado para apelar aos ateus “enrustidos” durante a temporada de férias quando a maioria dos norte-americanos celebram o Natal. Ele chamou bastante atenção e provocou debates.

A Liga Católica respondeu patrocinando seu próprio outdoor perto da saída do Túnel Lincoln, em Nova York. O anúncio apresenta José, Maria e Jesus e a frase “Você sabe que é real. Nesta temporada, celebre Jesus.”

A Igreja de Times Square, que atrai mais de 8.000 pessoas por semana, é a última a se envolver no debate com o seu anúncio “Deus é.”

Modelo revela caso extra-conjugal com o jogador evangélico Felipe Melo

A modelo Raissa Miure revelou ter um caso com o volante Felipe Melo, do Juventus e da Seleção Brasileira, há mais de um mês. Detalhe, o jogador é casado e garante ser fiel e evangélico.

Rico, atuando por um dos maiores clubes da Europa, convocado para a Copa do Mundo da África do Sul… O volante Felipe Melo tem todos os motivos para estar de bem com a vida, certo? Não depois das declarações da modelo Raíssa Miure.

A gata foi à imprensa e revelou que tem um relacionamento com o jogador, que é casado, há mais de um ano e meio. No último carnaval, ela já havia criado polêmica ao desfilar pela escola de samba carioca Vila Isabel, com a letra “F” colada no bumbum. A justificativa da musa, na época, era de que a letra era uma homenagem a um jogador da Seleção Brasileira.

Raissa, entretanto, não revelou o nome do mesmo, alegando que poderia atrapalhá-lo na convocação do técnico Dunga para o Mundial. Isso porque o polêmico jogador da Juventus-ITA é casado e, “para agradar a comissão técnica do Brasil”, tinha que passar imagem de fiel e evangélico.Esta deusa de cabelos negros e curvas de enlouquecer afirmou ter conhecido o jogador em um pagode.

Belém recebe o maior número de peregrinos dos últimos dez anos neste Natal

A pequena cidade de Belém reuniu neste Natal o maior número de peregrinos dos últimos dez anos, segundo o exército israelense.

Mais de 100 mil pessoas de todo o mundo estiveram na cidade famosa por ser o local onde Jesus nasceu. No último ano foram 50 mil visitantes. O aumento no número de turistas é, provavelmente, devido à diminuição da violência entre palestinos e israelenses nos últimos anos.

“Este é o primeiro ano em que Belém recebe esse número de visitantes”, comentou o oficial da cidade de Belém George Saade à Agence France-Presse.

O número de peregrinos neste Natal ultrapassou os 90 mil estimados e marca o terceiro ano consecutivo de recordes de turistas que Belém recebe durante o feriado. Milhares de peregrinos esperavam na fila para ver a gruta mal iluminada, onde esteve o berço do menino Jesus.

Autoridades palestinas disseram que todos os hotéis de Belém estavam lotados. Os proprietários do negócio na cidade, que dependem fortemente do turismo para a renda, ficaram satisfeitos em ver o fluxo de visitantes.

“Graças a Deus vemos alguns turistas em Belém”, disse Nabil Jakaman, de acordo com a Voz da América.

Cerca de um terço dos moradores de Belém são cristãos, contra os 75% em 1950.

Voluntários da IURD levam esperança aos necessitados e promovem ações sociais na Costa do Marfim

Há 15 anos, a Igreja Universal do Reino de Deus tem promovido transformação espiritual e social aos habitantes do país africano, Costa do Marfim, por meio de 29 templos espalhados pelo território. Com o apoio do grupo de evangelização, a IURD leva, diariamente, as boas novas da Salvação às pessoas que estão nas ruas, casas, presídios, hospitais, casas de internação, entre outros.

Recentemente, o grupo realizou parceria com o Centro Nacional de Transfusão Sanguínea (CNTS) e promoveu um dia de doação de sangue (foto ao lado), na sede da Igreja na cidade de Adjamé, sob o tema “O Amor na religião”. Para realizar essa campanha, dois voluntários do grupo participaram de um Workshop, que permitiu a eles o conhecimento básico do processo de transfusão de sangue e o aprendizado para desenvolver as ferramentas de comunicação necessárias para o recrutamento de doadores.

Outra ação da equipe se deu no hospital Geral da cidade de Porto Bouet, onde, durante a visita, voluntários realizaram orações pelos enfermos e também distribuíram aos pacientes frutas e kits de higiene.

As crianças do berçário e creche Maria Tereza Adjamé, que abriga crianças abandonadas e órfãs, também foram assistidas pelo grupo. Os agentes levaram mensagens de fé aos pequeninos e distribuíram, além de amor e carinho, cestas básicas e roupas.

Vidas Transformadas

Mas a principal transformação proporcionada pelo trabalho da Igreja Universal se dá no interior de cada pessoa, que se converte ao Senhor Jesus. É o caso do comerciante Gnahoré Marciais (foto ao lado), que está livre das drogas há 13 anos graças ao apoio recebido no Centro de Ajuda. Ele relata que, por causa dos vícios, passou a furtar objetos de dentro de casa. “Os meus pais tentatavam conversar comigo, mas eu os ameaçava, pois eu era muito violento”, afirma Gnahoré.

O pai dele conhecia o trabalho da Igreja Universal e confidou Gnahoré para participar de uma reunião. Ele aceitou o convite e com apenas dois meses na presença de Deus, foi liberto das drogas. “Hoje sou feliz e percebo as bençãos de Deus na minha vida e na vida da minha família”, conta com felicidade.

O analista financeiro Juan Molt, de 27 anos, tinha uma vida confortável com o alto salário que ganhava. Mas, Juan começou a sentir um cansaço anormal e dores nas articulações, que para ele eram apenas sintomas de um estresse. Com o tempo as dores foram aumentando e , após vários exames realizados, ele foi diagnosticado com síndrome da fadiga crônica (SFC), doença incurável que provoca dores musculares e articulares, fadiga mental e física, levando à depressão, sendo mais comum encontrá-la principalmente em pessoas com 40 anos ou mais.

Durante um ano, Juan ficou impossibilitado de trabalhar por causa das fortes dores que sentia, com isso, teve gastos com medicamentos e exames acumulando dívidas e vivendo na dependência de amigos para sustentá-lo.

A mãe de Juan já frequentava a Igreja Universal do Reino de Deus e fez correntes de oração pedindo pela cura dele. Quando o estado de saúde dele piorou, ela pediu que ele fosse com ela até o templo. Juan casando do sofrimento que estava passando, resolveu participar de uma reunião. “Eu decidi confiar a minha vida a Deus e ser curado”, relata.

Na Igreja, ele fez as correntes de oração e, a vida dele começou a mudar. “Foi um milagre. De repente eu era capaz de andar e fazer o que eu não podia fazer durante todos esses anos. Eu não tenho nem dor, nem cansaço, nem depressão, eu estou liberto”, finaliza feliz..

Rise of the AntiChrist: Produtora de games cristãos dá fôlego ao setor; pastor da Bola de Neve testa jogo

Com melhora no desempenho financeiro, sequência de lançamentos e estratégia de marketing agressiva, uma empresa americana do Estado de Washington dá fôlego à indústria de jogos eletrônicos cristãos.

Surgida em 2002, a Left Behind Games deverá ter o primeiro trimestre com lucro de sua história. Troy Lyndon, um desenvolvedor que largou a carreira para virar missionário antes de fundar a companhia, disse que a Left Behind já arrecadou US$ 500 mil no atual período fiscal.

Parece pouco quando comparado a grandes produtoras, mas esse é um segmento minúsculo. Segundo a ACE (Associação de Entretenimento Cristão, em inglês), os jogos cristãos correspondem a menos de 1% de todo o mercado de games, com vendas que geram entre US$ 50 milhões e US$ 100 milhões.

Além disso, abocanhar fiéis por meio de games nunca foi negócio rentável. Desde os anos 80, há títulos tentando fazer isso, mas a qualidade duvidosa deles sempre foi motivo de restrições entre fãs e crítica especializada.

A Left Behind conseguiu se firmar como a principal empresa do setor por meio de uma série que leva o mesmo nome da empresa. O terceiro título, Rise of the AntiChrist (ascensão do anticristo), chegou às lojas em outubro. Assim como seus antecessores, Rise of the AntiChrist é um jogo de estratégia que parece um coquetel religioso de Grand Theft Auto e The Sims.

Por supostamente incitar a intolerância religiosa, a Left Behind coleciona críticas –o que ajudou a promover seus produtos.

Junto com os games, a companhia desenvolveu uma estratégia de marketing agressiva. Nos últimos dois anos, ela distribuiu 50 mil unidades de alguns de seus títulos para uma rede de pastores. Os alvos, segundo a Left Behind, são mais de 300 mil igrejas cristãs do país –inimigas tradicionais da indústria secular de games.

Em 2011, a companhia terá alguns de seus títulos à venda nas lojas do Walmart –um dos maiores varejistas dos EUA. Na internet, os jogos da Left Behind aparecem em sites como o da Best Buy.

Na sexta-feira (10), a empresa vai estrear comerciais em cinemas e canais de TV.

Left Behind: Eternal Forces me causou uma boa impressão. Alegrou-me muito o fato de ver elementos como a Bíblia, estratégia militar e pessoas ajoelhadas orando a Deus.

O tema bíblico de arrebatamento e batalha espiritual está bem claro.

Sinceramente, eu não tinha grandes expectativas. Mas, depois, vi que o jogo foi bem elaborado.

É interessante o fato de a história bíblica ser aplicada em um game.

Compraria com certeza.

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Pesquisa mostra que mídia mal fala de Jesus na cobertura do Natal

Um organismo de vigilância da mídia conservadora analisou a cobertura de notícias dos últimos dois anos e descobriu que grandes redes de mídia estavam deixando Cristo e Deus por suas histórias de Natal.

Apenas 1,3 por cento das histórias das redes ABC, CBS e NBC mencionaram a divindade durante seus telejornais da noite, de acordo com o Instituto de Cultura e Mídia do Centro de Pesquisa de Mídia.

Mais especificamente, das 527 histórias sobre o Natal, Deus ou o nascimento de Jesus Cristo foram mencionados em apenas sete.

Entre 1º de outubro de 2008 três redes mee 30 de setembro de 2010, as três redes mencionaram “Deus,” “Jesus,” ou “Cristo” menos do que as vendas no varejo e a possível adição de tênis de mesa dos Jogos Olímpicos de 2012.

Embora o Natal seja comemorado pela maioria dos americanos, as redes negligenciaram quase completamente as histórias sobre família, religião, e as bênçãos que os americanos gozam, revelou o organismo de vigilância.

“A verdadeira mensagem do Natal, o nascimento milagroso de Jesus Cristo, foi simplesmente ignorada pela grande mídia.”

De acordo com as conclusões do centro de pesquisas, 56 por cento de toda a cobertura do Natal foi sobre referências gerais do Natal e 40 por cento da cobertura de Natal ignorou a divindade. Tal cobertura incluiu a árvore de Natal da Casa Branca, e como as tropas estavam passando o feriado.

Erin Brown do Centro de Cultura e Mídia (CMI) comentou: “A falta de foco sobre o verdadeiro significado do Natal, o nascimento de Jesus Cristo, é um comentário triste sobre cultura popular.”

“Quase 80 por cento dos americanos se identificam como Cristãos, portanto, é seguro dizer que eles não são ofendidos por Cristo,” a expressão ‘Deus’ e ‘Jesus.’ “Mas a mídia fez com que Cristo fosse quase tabu na cobertura de notícias da rede,” acrescentou Brown.

Os resultados são baseados na análise do “World News” da ABC, “CBS Evening News” e “NBC Nightly News.” O CMI observou todas as histórias que apareceram durante os três programas de notícias que mencionaram “Natal.”

O CMI recomendou que as redes de mídia incluíssem mais discussão sobre o nascimento de Cristo e o significado do Natal.

Bispo Macedo e Marcelo Crivella divergem sobre declaração sobre aborto de Sérgio Cabral

Edir Macedo e o sobrinho Marcelo Crivella discordam quando o assunto é a polêmica frase de Sérgio Cabral sobre o aborto. Postou Macedo em seu blog no domingo:

- Sérgio Cabral quase cometeu um “sincericídio” ao defender o aborto dizendo “quem não teve uma namoradinha que teve que abortar?”. Quem sabe o governador não se lembrou de conversas com pessoas que em público são radicais defensores da criminalizarão do aborto, mas que, em conversas reservadas, tenham muitas histórias de experiências pessoais?

Crivella pensa o oposto. Atacou Cabral em discurso no Senado na semana passada:

- De tudo que ouvi em defesa do aborto a suposiçāo de que a maioria dos homens brasileiros já engravidou a “namoradinha” e que isso basta para legitimá-lo, é de longe o mais desqualificado argumento. (…) Estou convencido que atingimos o vértice da sandice. (…) Namoradinha… A que situaçāo humilhante se reduz a alma feminina em plena era Dilma.

Fantástico exibe batismo da AD Vitória em Cristo liderada pelo pastor Silas Malafaia

Durou só um minuto, mas com direito ao close no rosto de Malafaia e a imagem dele vestindo branco, submergindo e levantando uma pessoa das águas.

Neste domingo, 19 de dezembro, uma equipe de jornalismo da Rede Globo se deslocou ao Piscinão de Ramos – praia artificial, pública, de água salgada, localizada na zona norte do Rio de Janeiro -, e cobriu o batismo efetuado pela Assembleia de Deus, ministério Vitória em Cristo, cujo líder é o Pr. Silas Malafaia. As lentes das câmeras mostraram aos telespectadores que naquele lugar havia uma grande multidão.

A matéria não teve entrevista, o repórter apenas fez uma breve descrição de como os evangélicos vivem a cerimônia, passando números de quantos cristãos eram batizados e de quantos pastores efetuavam os batismos. Explicou também que os protestantes realizam o batismo apenas por meio do mergulho de adultos em águas e negam batizar bebês.

Depois que a reportagem foi ao ar em canal aberto, recebeu reprise no canal Globo News, onde o Fantástico é repetido por volta de 1 hora. Após o término da reprise do Fantástico, por volta das 3 da madrugada, a matéria voltou a ser veiculada no programa seguinte.

Ossos de João Batista podem estar em mosteiro na Europa

Em um mosteiro isolado, na Europa, foram encontrados aqueles que podem ser os ossos de João Batista, o homem que batizou Jesus Cristo.

A ilha da Bulgária não parece ter nenhuma importância. Pequena, desabitada, esquecida, gelada. Ilha de São João. Só agora os cientistas descobriram que esse nome sempre teve um motivo muito especial.

Como é que São João Batista pode ter sido enterrado naquela ilhota, no Mar Negro, a mais de mil quilômetros da Terra Santa? Para os estudiosos, isso é possível, e é uma história que envolve aventura, perigos e heroísmo.

A igreja o considera o maior depois de Cristo, o profeta que nasceu para anunciar a vinda do messias. João ganhou o nome de Batista por ter batizado Jesus, em uma das cenas mais famosas do Evangelho. A igreja ortodoxa o representa como um anjo. A cabeça que carrega na bandeja é a dele mesmo, cortada por Herodes, rei de Israel, a pedido de Salomé.

Cinco lugares no mundo reivindicam a posse da cabeça autêntica de São João. A cabeça que está guardada na igreja de Notre Dame d’Amiens, na França, é uma das cinco que estão espalhadas pelo mundo. Outras podem ser encontradas em Roma, Munique, Istambul e Damasco. Egito e Montenegro também exibem relíquias de São João.

Mas os ossos que foram encontrados neste ano na Bulgária vieram com uma prova de antiguidade que os torna ainda mais preciosos.

É o que sobrou da chamada “Nova Basílica”. Quando o templo foi erguido, no século XIII, já fazia 900 anos que São João Batista tinha sido enterrado lá.

No templo do século III foi encontrado o relicário, enterrado debaixo da mesa do altar. A pouco mais de um metro, estava a placa com a inscrição. Ela não prova que os ossos são de São João Batista. Mas prova que nos primeiros tempos do cristianismo, as pessoas acreditavam que ele estava enterrado lá.

O arqueólogo Kazimir Popkonstantinov diz que é a primeira vez que os ossos são encontrados junto com uma inscrição. As letras em grego dizem: Deus ajude o seu servo Tomá, que carregou as relíquias de São João. E também está gravada a data: 24 de junho. O dia de São João.

Popkonstantinov completa com uma frase surpreendente para um cientista. Ele diz: Deus e São João Batista me guiaram nesta descoberta. As relíquias estão expostas numa igrejinha modesta em Sozopol, a cidade que fica diante da ilha.

Vão passar por testes para identificar a idade dos ossos e se todos pertencem à mesma pessoa. Mas por enquanto os búlgaros só querem celebrar o Natal. Nesta época de reunir a família, eles não têm dúvidas de quem chegou para a festa foi Jesus Cristo, o filho de Deus, o homem que recebeu o batismo das mãos de São João.

Justiça pede afastamento de Samuel Câmara da presidência da AD em São José dos Campos, membros fazem abaixo assinado

Mais um capítulo da mudança da liderança na Assembléia de Deus de São José dos Campos, no Vale do Paraíba, em São Paulo. Cerca de 12 mil membros se uniram em um abaixo-assinado contra o afastamento do pastor Samuel Câmara do cargo de presidente da congregação, solicitado pela Justiça de São Paulo. A ação, datada de 17 de dezembro de 2010, foi movida pelo pastor e ex-presidente da igreja, Antonio Luiz Sellari e gerou a intimação. Câmara, que não foi encontrado para esclarecimentos, tem 90 dias para recorrer.

Antonio Luiz Sellari presidenciou a AD São José dos Campos durante 20 anos. Foi colocado pelo pastor José Wellington, do ministério Belenzinho, de quem se separou declarando autonomia da igreja. Em outubro de 2009 renunciou ao seu cargo e apresentou Samuel Câmara – também líder da Assembléia de Deus Belém do Pará, conhecida como igreja-mãe das assembléias de Deus no Brasil – como novo presidente.

Parece que ele se arrependeu. Sellari se juntou mais uma vez ao pastor José Wellington e tem tentado retornar à diretoria da igreja. A ação foi aberta com esse intuito.

O Processo 0059954-46.2010.8.26.0577 aberto no Foro de São José dos Campos, pede o afastamento de Samuel Câmara do cargo de presidente da Assembléia de Deus de São José dos Campos por 90 dias. Nesse tempo, ele tem o direito de recorrer a decisão.

O Portal CREIO entrou em contato com a Assembléia de Deus de São José dos Campos e conversou com um dos pastores, Shakespeare Carvalho. Ele confirmou a renúncia de Sellari e a entrega da igreja nas mãos de Câmara em 2009. Segundo ele, por duas vezes, o antigo presidente tentou ir ao templo para conversar com os membros. “Eles agiram de forma hostil, sem agressividade, mas de forma hostil. Não o deixaram passar pela porta”, conta.

Ele explica a atitude como uma forma de proteger o ministério e buscar estabilidade na área da liderança. “Não estamos defendendo nem o pastor Antonio Luiz Sellari e nem o pastor Samuel Câmara, estamos defendendo a nossa igreja, porque os líderes e presidentes podem passar e ir embora, mas os membros permanecem.”

Central Gospel inaugura mais uma loja no Rio de Janeiro

No último final de semana, a Central Gospel inaugurou mais uma loja. O local escolhido foi Barra da Tijuca (RJ), dentro do supermercado Guanabara. Na ocasião, convidados e funcionários prestigiaram o novo espaço, que é moderno e oferece uma variedade de produtos que agrada todas as faixas etárias.

Essa é a oitava loja da editora, que em breve também estará presente em outros estados brasileiros. Quem ficou feliz com a inauguração foi Aurora Patrícia Campos, a primeira cliente. “Sou filha de pastor presbiteriano, mas sempre acompanhei o pastor Silas Malafaia. Fiquei muito feliz ao descobrir que agora tem uma loja da Central perto da minha casa. Quando soube, vim logo conhecê-la”, comentou a simpática moradora da Barra da Tijuca.

Antes de recepcionar o público, o pastor Silas Malafaia Filho agradeceu a todos que tornaram essa conquista possível e glorificou a Deus por mais uma vitória. “Esta conquista é um marco para a editora Central Gospel, que tem como missão ser um suporte para a Associação Vitória em Cristo, um ministério que está em constante expansão. Que as pessoas possam encontrar nesta loja uma resposta de fé e esperança, pois aqui elas terão acesso a literaturas de qualidade da Central Gospel e de outras editoras”, finalizou.

Visite você também nossa nova loja e confira os preços especiais para este final de ano. O endereço é Avenida das Américas, 3.501, loja 58 – Barra da Tijuca (RJ).

Egípcio perde familia e negócio por se converter a Cristo

Um egípcio que deixou o islã para se tornar cristão, e que por isso perdeu sua esposa, seus filhos, e o seu negócio, pode também perder a liberdade, acusado judicialmente de “difamação” ao islã.

Ashraf Thabet, de 45 anos, está sendo processado por difamar uma religião reconhecida, Artigo 98f do Código Penal Egípcio. As acusações se baseiam na busca de Thabet por uma realização espiritual, que durou seis anos, período em que ele expressou suas dúvidas a respeito do islã e revelou às pessoas que estava aprendendo sobre Jesus Cristo. “Não havia relacionamento espiritual entre eu e Deus no islã. Tudo era baseado no medo e na rotina”, ele revelou.

As autoridades religiosas locais, revoltadas com as idéias e os posicionamentos de Thabet (ele conheceu a Cristo através de sites na internet e ficou impressionado com Jesus após assistir ao filme “A Paixão de Cristo”, pedindo, em seguida, uma Bíblia a um amigo), comunicaram o fato ao Serviço de Inteligência e Segurança do Egito, que logo interrogou o “herege” e o indiciou por difamação religiosa.

Se for considerado culpado, Thabet poderá passar cinco anos na prisão. Mas, porque os promotores não têm se apressado para julgar o caso, o cristão vive numa situação de incerteza, sendo alvo de ameaças de morte por parte de pessoas de sua comunidade em Port Said no nordeste do Egito.

Líderes muçulmanos de seu bairro conseguiram convencer à sua esposa de pedir o divórcio e de abandonar o lar, levando consigo a filha de dez anos e o filho de seis do casal.

“Eles deram a ela o dinheiro necessário para entrar com o pedido de divórcio, deram um carro, e até um outro homem para casar”, queixou-se Thabet. “Eu não sei o que pode acontecer. Eles tornaram a vida muito difícil para mim. Não estou podendo recuperar o meu computador. Não estou podendo recuperar nada.”

domingo, 19 de dezembro de 2010

Naufrágio de barco de imigrantes mata pelo menos 27 na Austrália

CANBERRA (Reuters) – Vinte e sete pessoas que buscavam asilo na Austrália morreram e outras dezenas teriam desaparecido nesta quarta-feira depois que o barco em que estavam naufragou perto das Ilha Christmas, na costa australiana do Oceano Índico. A embarcação, de madeira, foi arremessada contra rochas, lançando as pessoas no mar agitado.

Imagens de TV mostram o barco batendo contra as rochas, se partindo e afundando enquanto as ondas arremessavam os passageiros, incluindo mulheres e crianças, contra as pedras pontiagudas.

‘Há pessoas na água gritando por ajuda. Há uma tragédia emergindo ali’, disse à mídia australiana o dirigente do condado da ilha Christmas, Gordon Thomson.

O vice-primeiro-ministro e secretário do Tesouro da Austrália, Wayne Swan, afirmou que 41 pessoas foram resgatadas e 27 corpos, recuperados.

‘Nós não sabemos quantas pessoas estavam no barco’, afirmou Swan à TV australiana ABC.

A entidade Flying Doctors, da Austrália, disse que o número do mortos pode chegar a cerca de 50 e que havia pelo menos 33 feridos ‘em condições de andar’. O acidente ocorreu por volta das 6 horas (21 horas de terça-feira, pelo horário de Brasília).

Quatro acusados do caso Eliza Samudio são soltos em MG

Quatro acusados envolvidos no caso Eliza Samudio que responderão ao processo em liberdade foram soltos na madrugada de sábado (18) após decisão judicial. Entretanto, a juíza Marixa Fabiane Lopes manteve quatro réus presos: o goleiro Bruno Fernandes, o amigo dele Luiz Henrique Ferreira Romão, conhecido como Macarrão, o primo Sérgio Rosa Sales e o ex-policial civil Marcos Aparecido dos Santos, o Bola. Dos nove acusados, oito irão a júri popular.

Dayanne Rodrigues do Carmo Souza – ex-mulher de Bruno -, a ex-amante do jogador Fernanda Gomes de Castro, Elenilson Vitor da Silva e Wemerson Marques de Souza responderão ao processo em liberdade, mas também irão a julgamento. Fernanda foi pronunciada por sequestro e cárcere privado de Eliza e de seu filho. Já Dayanne, Elenilson e Emerson responderão pelos mesmos crimes, mas cometidos apenas contra o filho da vítima. Todos os réus alegam inocência.

Após 150 dias de prisão, Wemerson Marques, o Coxinha, e Elenilson Vítor da Silva foram para Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte. Parentes e vizinhos esperavam por eles. O clima era de comemoração na primeira noite de liberdade. Emocionada, Dayanne disse que quer ver os filhos.

Detalhes sórdidos

Em sua decisão de manter Bruno e os outros três acusados presos até o julgamento, a juíza Marixa Fabiane Lopes alegou que “os delitos contam com detalhes sórdidos e ultrapassam os limites da crueldade”.

Das nove pessoas que foram inicialmente denunciadas pelo Ministério Público, apenas Flávio Caetano de Araújo não irá a júri popular. Ele foi solto do presídio Nelson Hungria no dia 27 de novembro após ter liberdade concedida pela Justiça.

A data para o julgamento ainda não foi definida. Ainda cabe recurso da defesa na decisão da Justiça.

Outro lado

O advogado de Bruno Fernandes, Claudio Dalledone Filho, disse que viu com “satisfação” a decisão da Justiça de levar apenas quatro acusados a júri popular.

– A denúncia está desmoronando. A acusação se esvaziou. Quando chegar nos altos plenários, pouco ou nada sobrará. Bruno é inocente.

Dalledone também diz que vai entrar com novo recurso para anular todo o processo. Segundo o advogado, Bruno não teve pleno acesso à defesa, o que vai de encontro com a Constituição.

– Agora vamos entrar com carga máxima no TJ de Minas Gerais.

Condenação no Rio

No início deste mês, o goleiro Bruno e Macarrão foram condenados pela Justiça do Rio de Janeiro por cárcere privado, constrangimento ilegal e lesão corporal a Eliza. O goleiro pegou pena de quatro anos e seis meses de prisão e seu amigo, três anos.

A sentença é válida apenas para os crimes pelos quais Bruno é acusado de ter cometido no Rio de Janeiro. Em outubro de 2009, Eliza registrou queixa contra Bruno e Macarrão por sequestro. Na época, a jovem, que estava grávida, disse que os dois a agrediram e obrigaram a tomar abortivos.

Acusação

Após ouvir os suspeitos, a polícia diz que Eliza foi sequestrada com seu filho – na época com quatro meses – no Rio de Janeiro no dia 4 de junho e levada para Minas Gerais. Segundo a polícia, a jovem foi mantida com o bebê no sítio de Bruno e, dias depois, foi morta na casa do ex-policial Marcos Aparecido dos Santos, em Vespasiano, na região metropolitana de Belo Horizonte (MG).

Apesar de a polícia ainda não ter encontrado o corpo de Eliza, o delegado que cuida do caso diz que as investigações concluem que ela está morta.

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Posição da Portas Abertas Internacional no caso de iranianos


Várias fontes de notícias iranianas anunciaram que Youcef Nadarkhani, de 32 anos, líder de uma rede não-denominacional das igrejas domésticas, foi condenado à morte por apostasia (abandono do islamismo) pelo Tribunal Revolucionário do Irã. Outro líder desta rede, Behrouz Sadegh Khanjani, de 33 anos, foi acusado igualmente, mas não foi condenado até onde que sabemos.

A Portas Abertas Iternacional não está em contato com os dois líderes ou redes a que pertencem, haja vista que comunidade cristã do Irã questiona seriamente algumas das doutrinas heterodoxas do grupo, incluindo a o não reconhecimento da Trindade – Deus Uno e Trino: o Pai, o Filho e o Espírito Santo. Como vários outras organizações defendendo-os, a ODI não participará ativamente em seus casos.

Embora a Portas Abertas Internacional (ODI, sigla em inglês) não tenha contato com os dois líderes e as redes a que pertencem, a ODI pede oração pelos os líderes.

Pedidos de oração:

Ore para que eles possam experimentar a paz divina do coração e da mente.

Ore pela esposa do Youcef e seus dois filhos, pela a esposa de Behrouz e sua filha.

Ore para que o recurso contra o veredicto seja bem sucedido ou que as acusações contra os dois líderes seja descartado; para que os cristãos iranianos não sejam intimidados por este caso.

Encontro de evangelistas da Igreja Universal em BrasíliaEncontro de evangelistas da Igreja Universal em Brasília

O grupo de evangelização da Igreja Universal do Reino de Deus leva mensagens de esperança e fé aos necessitados que se encontram em hospitais, asilos, orfanatos, comunidades carentes, clinicas de recuperação e presídios. Esse trabalho acontece em todos os estados do País e no mundo.

Recentemente, no Distrito Federal, no Templo Maior, localizado na EQS 212/213, área especial, ASA SUL, o pastor responsável pelo trabalho evangelístico da região, Emerson Marinho, realizou uma reunião especial para os evangelistas com orações e clamores no intuito de fortalecer espiritualmente, ainda mais, cada voluntário que se dedica ao próximo.

Durante o encontro, o pastor, enfatizou a importância do trabalho de evangelização. “O evangelista deve usar a autoridade dada por Deus para libertar seus familiares, para vencer também suas lutas, porque os problemas e dificuldades vêm com o objetivo de tirar o foco de ganhar almas”, explica. Ele disse ainda que aquela pessoa que é da fé, além de ser um valente, vai ao campo de batalha e passa a pertencer ao pelotão de frente de Jesus. “As lutas e os sentimentos não podem parar o trabalho do evangelista que é perseverante, porque ele crê que Deus se manifestará em sua vida”, ensina o pastor.

A empresária Inalda Gomes da Silva de Moraes, de 32 anos, é, hoje, participante ativa do grupo de evangelistas da Igreja Universal e procura levar a Palavra de Deus para muitas pessoas que se encontram vivendo momentos de aflição. Mas antes de chegar à Igreja, Inalda sofria muito por causa da leucemia, um tipo de câncer que se desenvolve na medula óssea.

Ela relata que aos 12 anos, foi abandonada pelos pais e passou a morar com uma amiga que a acolheu. Desde muito nova, começou a trabalhar para se sustentar e comprar os remédios que tomava todos os dias. O médico que a acompanhava no tratamento, conseguiu um transplante de medula para ela nos Estados Unidos, mas, uns dias antes de embarcar, uma amiga a convidou para conhecer a Igreja Universal do Reino de Deus. Inalda aceitou o convite e começou a participar das reuniões. Já na Igreja, ela voltou ao médico para realizar novos exames e, naquele momento, o Poder do Deus foi constatado: ela estava curada do câncer.

A Assessora parlamentar, Sandra Catiane Pereira do Amaral, de 27 anos, também esteve presente na reunião especial dos evangelistas. Ela fez questão de relatar que, antes de conhecer o Senhor Jesus, ela sofria de síndrome do pânico e insônia.

Por causa desses problemas, ela não saia sozinha de casa, a mãe que tinha que levar e buscar na escola. “O meu problema afetava demais a minha família, que sofria junto comigo”, comenta.

Um dia, passando em frente à Igreja, ela recebeu o jornal “Folha Universal” e nele continha o depoimento de uma jovem que sofria com o mesmo problema que ela, e havia sido liberta. Foi então que ela decidiu deixar de lado os preconceitos que tinha contra à Igreja e participou de uma reunião de fé.

Hoje, a vida de Sandra é outra. Ela está liberta da síndrome do pânico, mora sozinha em Brasília, trabalha como assessora parlamentar e cursa a faculdade de Administração de Empresas. Além disso, participa do Grupo de Evangelização, levando aos necessitados a experiência dela de ter um encontro verdadeiro com Deus. “Esse trabalho serve para resgatar almas, levar a paz, o amor e certeza da cura e libertação para os que sofrem”, finaliza Sandra.

Pai de santo e pastor abrem “guerra santa” no Flamengo

O Flamengo está à beira de uma guerra santa. De um lado o pai de santo Robério de Ogum, amigo e conselheiro do técnico Vanderlei Luxemburgo. Do outro, o pastor Fernando, da Comunidade Evangélica Até Aqui Nos Ajudou o Senhor do Recreio dos Bandeirantes, muito próximo de alguns jogadores do atual elenco.

Tudo começou com a chegada do treinador ao clube e com uma entrevista de Robério ao jornal “Extra”, no sábado passado. E esquentou nesta terça-feira, quando o pastor Fernando postou fotos ao lado de jogadores do Flamengo no Twitter e reenviou um post de um seguidor chamado jogadordecristo. Na mensagem, está anexado o link da entrevista.

“Agora entendemos porque o pastor Fernando foi proibido por Luxemburgo de entrar na concentração do Flamengo. Brincadeira”, escreveu o jogadordecristo, em mensagem reenviada pelo pastor aos seus seguidores.

Robério afirma na entrevista ter feito trabalhos para Vanderlei Luxemburgo na reta final do Campeonato Brasileiro, quando o time brigou para não ser rebaixado. Ele ainda toma para si a derrota do Goiás para o Indepediente na final da Copa Sul-Americana, que colocou o Flamengo na competição em 2011.

“O Flamengo estava muito carregado espiritualmente. De uma hora para outra, o Lomba começou a falhar, o Juan, os atacantes não acertavam mais nada. Só que não adianta cuidar de todos os jogadores, é preferível proteger, iluminar o comandante. Eu dizia que o time chegaria à Sul-Americana, mas depois do empate com o Santos, desconfiaram. Só que faltava o jogo do Goiás. E o que aconteceu? Os orixás ajudaram o time”, disse Robério ao “Extra”.

Ao fim do dia, o pastor Fernando ainda trocou mensagens com o zagueiro David via Twitter. Ele avisou que precisava entrar em contato. A resposta do jogador foi a seguinte: “Você tem o meu telefone”. Mais uma prova da proximidade entre eles.

O início da crise
Pastor Fernando sempre frequentou a concentração do Flamengo e costumava liderar cultos às vésperas dos jogos com alguns jogadores do elenco. Com a chegada de Luxemburgo, sua entrada no hotel foi proibida, sob a alegação de que poderiam querer levar pai de santo, padre e outros representantes de religiões.

Na época, pastor Fernando concordou e entendeu o argumento de Luxemburgo. Mas, com a revelação de Robério, a situação se complicou. O pai de santo, inclusive, está morando num apart hotel próximo à concentração do Flamengo na Barra da Tijuca.

Africanos vendem suas roupas e deixam de se alimentar para enviar missionário

Centenas de cristãos africanos estão prontos para ingressar no campo missionário. Mas infelizmente, muitos deles não têm recursos para fazê-lo.

Um missionário da Zâmbia ouviu o chamado de Deus para ministrar aos muçulmanos na Tanzânia. Ele precisaria de US$ 500 para pagar algumas taxas, que incluía uma bicicleta, um colchão, e cerca de US$ 50 por mês para as despesas.

A igreja é animada, composta principalmente de camponeses que vivem com menos de 1 dólar por dia. E é ela que mantém e apoia o missionário no campo.

Determinado a enviar um missionário para o campo, a congregação decidiu vender roupas e deixar de fazer a terceira refeição dos dias. Depois de algumas semanas, eles foram finalmente capazes de enviar o irmão no campo.

Essa história representa o desejo de centenas de pessoas em toda a África de difundir o Evangelho pelo mundo. Os africanos têm a características de ser apaixonado e disposto a ir aonde Deus quer levá-los.

A Missão Operação Mobilização (OM) conta que muitos missionários e ministérios utilizam técnicas inovadoras no evangelismo, como um homem que ensinou comunidades pobres a cultivar a terra e paralelamente ele falava sobre o amor de Jesus.

O ministério espera enviar 150 missionários indígenas para vários países da África em 2011. Nos próximos 10 anos, o objetivo é enviar 5 mil. Milhares de pessoas estão à espera para ouvir o Evangelho, e outras milhares estão prontas para compartilhá-lo. Elas só precisam de recursos.

Grupo espalha outdoors por cidades americanas datando a volta de Jesus para Maio de 2011

Dr. Thomas B. Slater, professor de Novo Testamento na Faculdade de Teologia da Universidade McAfee Mercer, disse que os cartazes afirmando que Jesus voltará em 21 de maio de 2011, estão inerentemente “equivocados.”

Como a maioria dos Cristãos, Slater acredita que, embora o retorno de Jesus seja ensinado na Bíblia, ninguém pode saber o dia nem hora para além de Deus.

“O fim dos tempos é algo que todos nós esperamos e esperamos e esperamos, mas a maioria dos Cristãos não estão no negócio de tentar prever essa data. Eles estão trabalhando para essa data,” disse Slater ao The Christian Post.

Os outdoors recentemente começaram a aparecer em Omaha, Detroit e Nashville. Um grupo da Carolina do Norte planeja 50 painéis planos para impactar o metrô de Atlanta esta semana e as campanhas em outras cidades em dezembro.

Os anúncios temáticos de Natal com imagens dos três reis magos e a estrela de Belém diz às pessoas que “Ele está voltando.”

Allison Warden, cuja família dirige o website WeCanKnow.com, aponta para 1 Tessalonicenses 5:4, onde ele afirma: “Mas vós, irmãos, não estais em trevas, para que aquele dia vos surpreenda como um ladrão” para justificar a sua campanha.

Warden e sua família são seguidores de Harold Camping, conhecido por seus ensinamentos controversos em sua estação de Rádio da Família em todo o mundo, que patrocinou os outdoors, em Nashville.

Camping, que ensina as pessoas a deixarem suas Igrejas antes da data final, diz que ele chegou ao 21 de maio de 2011, por meio de um cálculo matemático demonstrando naquele dia para ser exatamente 7000 anos desde o dilúvio de Noé.

Tentar prever o fim do mundo não é apenas anti-bíblico, de acordo com Slater, mas anti-cristão. Ele observou que, ao tentar viver de acordo com o conhecimento, o ensino do grupo parece mais com o agnosticismo que o Cristianismo.

“Eu acho que as pessoas são sinceras, mas elas também estão cometendo um erro grave,” disse ele. “Eles estão tentando substituir viver pela fé com a viver pelo conhecimento. Conhecimento, mas de quando o mundo acabar não pode substituir o poder de viver pela fé.”

“Jesus disse a seus discípulos que eles não devem ficar preocupados com o fim do mundo, mas eles deveriam estar preocupados sobre como tornar o mundo um lugar melhor. Essas pessoas estão fazendo exatamente o oposto.”

Slater referiu Mateus 25 onde Jesus diz que os justos são aqueles que alimentam o olhar faminto, depois dos doentes, visitar os presos.

“Em cada oportunidade todos os Cristãos devem ajudar outras pessoas,” disse o estudioso do Novo Testamento. “Nós não devemos deixar de ser salvos. Devemos ajudar as pessoas continuamente ao longo da vida, porque nós nos movemos em direção à santificação. Não significa que conseguimos chegar lá, mas estamos sempre lutando para chegar lá.”

Se 21 de maio vai e vem, acrescentou Slater, os outdoors vão afastar mais pessoas do Cristianismo, se já não o fizeram.

“Isso fará com que outras pessoas olham para eles e dizer:” Todos os Cristãos são tolos como eles,” disse Slater.

Na verdade, a data do “Fim” já veio e se foi. Em Setembro de 1994, Camping previu que o arrebatamento aconteceria. Mas depois ele disse que cometeu um erro matemático.

Slater está preocupado que no dia seguinte, o grupo vai novamente dizer que calculou mal e marcar uma outra data.

“Este é um fenômeno recorrente que aconteceu várias vezes quando há algum tipo de crise social, por exemplo, a nossa atual crise econômica.”

“Nós vivemos em uma época onde cerca de 20 anos, tivemos uma economia movimentada e agora nós estamos lutando,” comentou ele. “As pessoas estão buscando respostas em lugares diferentes e formas diferentes.”

Mas 21 de maio é muito significativo em pelo menos um caminho, observou Slater.

“É a data de aniversário dos meus pais e aniversário da minha tia,” disse ele. “Na minha família, ele tem muito poder.”

Após censurar aplicativo cristão, Steve Jobs é ridicularizado em vídeo

Um grupo de apoio ao casamento tradicional lançou um vídeo na terça-feira, ridicularizando o fundador da Apple, Steve Jobs por causa da decisão da empresa em remover um aplicativo vinculado a um documento de apoio ao casamento tradicional cristão e a santidade de vida.

O clip de 95 segundos descreve Jobs como uma figura emblemática e o marqueteiro lendário que fez sua reputação na descoberta comercial do computador Macintosh, no qual a Apple promete levar no “Big Brother.”

Mas, ao censurar o aplicativo da Declaração de Manhattan, Jobs se tornou o “Big Brother,” ele tem decaído, de acordo com a mensagem do vídeo.

“O que aconteceu ao longo dos anos é que o ícone Steve Jobs tornou-se o irônico Steve Jobs,” diz o narrador do vídeo.

O e-mail de Jobs está publicado no final do clip, já que o narrador incentiva os visitantes a protestarem contra a censura do aplicativo.

O presidente da NOM, Brian Brown enviou o vídeo em um e-mail para a organização de 800.000 adeptos.

O grupo questionou a razão da Apple ter retirado o aplicativo da Declaração de Manhattan, quando a empresa permitiu aplicativos que representam visões opostas, como a aplicativo da Planned Parenthood e outro pedindo a revogação da Proposição 8.

“A Apple felizmente permite todos os tipos de aplicativos de grupos pró-aborto e pró-casamento gay, mas quando os Cristãos desenvolvem um aplicativo para apoiar o casamento tradicional e a vida, ele é chamado ofensivo e é retirado da iTunes,” disse Brown em um comunicado.

“O que é ofensivo é que Steve Jobs tenha como alvo os Cristãos para a discriminação e a intolerância religiosa, a censura ao nosso direito fundamental de expressão.”

O aplicativo da Declaração de Manhattan foi desenvolvido para angariar mais apoio para um documento ecumênico com o mesmo título. Cerca de 500 mil Cristãos, incluindo proeminentes evangélicos, ortodoxos e líderes católicos, assinaram a declaração, que articula a posição cristã para a santidade de vida, o casamento tradicional e a liberdade religiosa.

O aplicativo foi lançado em outubro, com uma avaliação 4 + pela Apple, o que isenta de qualquer censura ao material.

Mas a Apple removeu o aplicativo durante o feriado de Ação de Graças após os oponentes alegarem em uma petição na Change.org que a aplicação era “anti-gay, anti-escolha.”

Na semana passada, os redatores da Declaração de Manhattan, incluindo Chuck Colson, reapresentaram uma versão revisada do aplicativo que não contém a enquete de avaliação sobre as crenças do usuário em relação ao relacionamento de pessoas do mesmo sexo e o aborto.

Os organizadores por atrás da Declaração de Manhattan tomaram a decisão de cortar a enquete depois de determinar que o questionário era “um pára-raio para os ativistas gays.”

O aplicativo original tinha uma enquete que contava pontos para a resposta do usuário para perguntas sim / não, como “Você acredita na proteção da vida desde o momento da concepção?” e “Você apoia o relacionamento de pessoas do mesmo sexo?”

A resposta pró-aborto ou a pró-casamento gay eram consideradas incorretas.

Além da reapresentação para a Apple, os defensores Declaração de Manhattan também enviaram uma petição pedindo a Apple para restaurar o aplicativo.

Mais de 46.000 pessoas incluíram seus nomes à petição.

Sério Cabral afirma; “quem nunca teve uma namoradinha que teve que abortar” pastor rebate; “Eu não, Cabral”

Pastor e jornalista responde em seu blog ao governador do Rio de Janerio, Sérgio Cabral, que falou a empresários em reunião em São Paulo, dias atrás: quem nunca teve uma namoradinha que teve que abortar? A resposta do blogueiro:

“Pode ser que seja o caso de muita gente. Pode ser também que isso tenha se tornado tão normal que até virou coisa banal. No meu caso, desculpe, Cabral, mas eu nunca tive uma namoradinha que teve de abortar.

Se não houvesse essa banalização da vida e das relações entre as pessoas que supostamente deveriam se amar, você não teria dito sem constrangimentos que abortar, em outras palavras, é apenas um resultado indesejado de uma brincadeira de adolescentes.

Mas se fui eu que me tornei uma rara excessão, confesso que nem percebi. Um exemplar remanescente de uma mentalidade que acredita em preservar a mulher amada, como uma jóia cara e delicada que se prepara para ser a mãe de filhos e filhas, uma rainha cercada de amor e cuidados.

Romântico incurável, nem acreditei que a generalização em sua boca fosse a declaração de um governante que apareceu na política como o “netinho” que defendia o direito das pessoas idosas. Mas o que o choca no ato falho perpetrado diante de tantos microfones não é a impudicícia que mal se disfarça atrás de um eventual mea culpa, mas o reconhecimento tácito de é válido usar as namoradinhas como vaso das fisiologias inconseqüentes de jovens que cedo exibem o caráter aprendido a partir de modelos a eles familiares.

Por haver mandatários sem vontade política de pautar a reeducação de valores que preservem a responsabilidade e o senso de justiça no âmbito familiar é que ainda estamos tão longe de políticas adequadas para conter a AIDS, a gravidez na adolescência, a promiscuidade que excita a juventude e a aproxima da prostituição infanto-juvenil.

A minha namorada da juventude é hoje a mulher com quem sou casado e com quem tenho três filhos. Dou graças a Deus por ela jamais ter conhecido o aborto.”

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Rede Social cristã norte-americana oferece viagem a Israel para atrair usuários

Você pode estar no Orkut, Facebook ou mesmo no Twitter, mas você participa ou conhece alguma rede social cristã? Apesar de já existirem algumas redes sociais cristãs, a popularidade delas é baixa, mas o site GodsFaithbook espera mudar isso oferecendo uma viagem para Belém.

A rede social oferece uma viagem de sete dias, com todas as despesas pagas, acomodação em hotel de luxo, refeições e todas as excursões. “Cada aspecto dessa viagem será enriquecedora e inesquecível. O ganhador andará em lugares onde Jesus andou, pregou e realizou seus milagres”, diz um funcionário da empresa.

O anúncio disse que quanto mais visitas que você faz, mais vezes o seu nome vai aparecer na hora do sorteio. E se você optar por bate-papo, fazer uploads ou download de uma imagem, vídeo, adicionar ou ler uma oração, você também tem entradas adicionais.

“Claramente, a estratégia é a movimentação da rede social e manter o site o maior tempo possível”.

Aliança “Despertando a América” convoca cristãos para 21 dias de oração para um novo despertamento

A Aliança Despertando a América está fazendo uma chamada nacional de 21 dias de oração e jejum corporativo em janeiro de 2011, informam relatórios da Charisma News Online.

Agora em seu terceiro ano, o movimento de oração conhecido como “21 Dias para um novo Despertamento” convida os cristãos a destinar 21 dias no período de janeiro a orarem por um novo despertar em cada coração da nação.

“Milhões de americanos agora estão no precipício da destruição espiritual rodeada pela escuridão. “A ação radical será necessária para a igreja americana experimentar a renovação necessária para resgatá-los “, disse Billy Wilson, diretor-executivo do Centro Internacional de Renovação Espiritual, da Aliança.

“Estamos chamando os cristãos fiéis para se juntarem a nós durante 21 dias de consagração intensa em janeiro de 2011 para que aqueles que são espiritualmente cativos sejam libertos e possamos experimentar um novo despertar de Cristo em nossa nação.”

Igreja faz ação de marketing em benefício dos “sem-teto e sem rosto”

A população de Vancouver, Canadá, na manhã do dia 8 de Dezembro, teve uma grande surpresa com uma ação de street marketing executada pela First United Church, igreja que realiza vários ações humanitárias no Canadá.

Entre 8h30 e 10h da manhã, foram colocadas em 3 pontos de grande movimento da cidade, esculturas de seres humanos sem o seu rosto. Isso mesmo, pessoas invisíveis fazendo o papel de sem-teto pedindo ajuda aos que passavam. O resultado do projeto mostrou que a coisa toda surge mais como um experimento, provando que o ser humano está cada vez mais indiferente aos necessitados.

Em pouco mais de uma hora em que os corpos ficaram em seus lugares, milhares de pessoas passaram ao seu lado. Cerca de 1.500 realmente olharam para os sem-teto. Apenas 80 pararam e olharam mais de perto, descobrindo assim a ausência de rosto nos bonecos. E somente 7 pessoas realmente repararam num link para o Facebook que continha na roupa desses bonecos. Cada boneco ganhou o seu perfil: Steve, Jody e Gordon.

“A reação das pessoas é compreensível, dado ao contexto e a hora do dia”, disse Ric Matthews (pastor da First United Church), “mas ajuda a mostrarmos o ponto disso tudo, que nós muitas vezes vemos o problema, mas não vemos o indivíduo. Nosso objetivo é muito simples: criar uma oportunidade para a conscientização de que o sem-teto é mais do que um problema ou vítima de uma circunstância social. As imagens comuns dessas pessoas vivendo na rua muitas vezes escondem os rostos de pessoas reais. Se não vemos a pessoa, não entendemos o sem-teto. Vemos apenas uma necessidade social e somos tentados a responder no mesmo nível: proporcionar habitação, comida e algum tipo de apoio material. Estas coisas são necessárias e úteis. Mas não oferecem respeito e carinho, o que realmente carece quem está nessa situação de rua”, completa.

A narração do vídeo conta a história real de um sem-teto, que diz: “Eu sou uma pessoa. Estou morando na rua a maior parte de minha vida por causa das drogas. Você me vê? Você sabe o meu nome e minha história? Você se importa? Pare um pouco a sua rotina e olhe para nós. Não precisamos apenas de dinheiro. Você poderia nos dizer ‘bom dia’, dar um sorriso. Nós não mordemos, sabia?”

Bíblias: Central Gospel lança capas com novas cores e modelos mais modernos

A Editora Central Gospel lançou modelos exclusivos e modernos de Bíblias para diferentes gostos. A Bíblia da mulher vitoriosa, a Bíblia do homem, a Bíblia Sagrada com orientações de saúde física, emocional e espirituale a Bíblia de estudo batalha espiritual e vitória financeira ganharam versões em novas cores. A Bíblia da mulher vitoriosa agora está ainda mais feminina e pode ser encontrada, também, na cor lilás com floral. A obra foi editada especialmente para as mulheres que desejam analisar os ensinamentos que o Senhor compartilha em Sua Palavra. A Bíblia traz um suplemento especial, em que os mais diversos temas são analisados para que as mulheres tenham uma vida saudável, feliz e plena. Está disponível em tamanho médio e grande. A Bíblia do homem ganhou modelos modernos e discretos nas cores preta e cinza ou cinza e bordô. Ela contém textos devocionais elaborados por renomados escritores da atualidade, como Charles R. Swindoll, James Dobson e Philip Yancey. Pode ser encontrada em tamanho médio. A Bíblia Sagrada com orientações de saúde física, emocional e espiritual traz, ao final, 112 páginas com orientações de saúde para homens, mulheres e jovens. Está disponível em tamanho médio na cor preta, creme ou marrom com creme. A Bíblia de estudo batalha espiritual e vitória financeira ganhou novas capas nas cores marrom e creme, creme e vermelho, cinza e azul ou preta. Essa Bíblia foi projetada para levá-lo a uma nova posição de poder e vitória em todas as áreas da sua vida, embora o foco esteja em duas: a batalha espiritual e a vitória financeira. Pode ser encontrada em tamanho médio. Confira as condições especiais de pagamento e adquira sua Bíblia pelo telefone (21) 2187-7000 ou na Loja Virtual. Neste Natal, você pode dar o melhor presente a seus amigos e familiares: a Palavra de Deus.

Bispo Renato Maduro, um exemplo de fé e perseverança

Apesar da tristeza pela aparente perda de um grande homem de Deus, os que vivem pela fé estão recebendo o consolo do Espírito Santo por saberem que houve uma festa no céu no último domingo, dia 12/12, quando o Bispo Renato Maduro alcançou a coroa da vida e agora terá o privilégio de passar a eternidade ao lado do Pai.

Como herança, este grande homem de Deus deixou um exemplo de perseverança, além de muitos filhos na fé. Para a Line Records, em especial, o bispo Renato Maduro foi um verdadeiro instrumento do Senhor Jesus para a pregação do Evangelho através da música. Ele compôs canções que alcaçaram sucesso e, acima de tudo, falaram ao coração de milhares de pessoas.

Algumas das composições de maior destaque foram “O Deus Que Vê” e “O Eu Sou”, que integraram o repertório do CD “Verdadeiro Amigo”, do cantor Erlon, além de “Te Conhecia Só de Ouvir Falar”. A última música do bispo Renato, intitulada “Minha Fortaleza”, poderá ser conferida no CD “Acredito”, lançamento da cantora Priscila Christensen previsto para o final deste ano.

No arquivo da gravadora, ainda constam outras duas composições do bispo que, no tempo oportuno e estipulado por Deus, serão gravadas por alguns dos integrantes do casting. As músicas se chamam “Vai em Frente” e “ Porque os Ímpios Prosperam”. Ou seja, até já estando na Glória de Deus, o bispo Renato Maduro continuará semeando o Evangelho do Senhor Jesus!

Membros da Igreja Batista da Lagoinha são homenageados pela Câmara Municipal do RJ

A Câmara Municipal do Rio de Janeiro concedeu moção em homenagem à membros da Igreja Batista da Lagoinha entre outras personalidades na última segunda-feira, na capital carioca. A cerimônia, realizada no Plenário Principal da casa, celebrou o Dia da Bíblia e a importância da liberdade religiosa vivida no Brasil, permitindo que o Evangelho seja propagado em toda a nação.

Da Igreja Batista da Lagoinha foram homenageados com Moção de Louvor e Aplausos os pastores Ana Paula Valadão, André Valadão e Márcio Valadão, apóstolo Fernando Guillen e a jornalista Elisandra Amâncio, representados pela jornalista. “Sem dúvidas, esta Moção é um marco em nossas trajetórias, são pessoas que vivem para propagar o Evangelho, cada nome citado aqui, estará para sempre nos livros desta Casa Legislativa”, destaca João Mendes de Jesus, vereador responsável pela criação deste evento. A reunião destacou iniciativas de profissionais, pastores, evangelistas e líderes que não medem esforços para propagar o Reino de Deus por meio da Bíblia e de suas atividades cotidianas.

A comemoração do Dia da Bíblia contou com a participação de convidados, líderes e pastores do Rio de Janeiro e outros estados como Minas Gerais e São Paulo. “É um reconhecimento àquele que, uma vez tendo conhecido Jesus Cristo, empenha-se para conduzir a sua vida na tarefa de anunciar o Evangelho, meio designado para espalharmos as boas-novas da salvação através de Cristo”, relata Moção de louvor e aplausos entregue aos homenageados.

“Templo dos Milagres” da Igreja Mundial do Poder de Deus é reaberto

A emoção e a alegria podiam ser vistas estampadas no rosto dos fiéis durante a primeira reunião realizada na reinauguração do Templo dos Milagres, no bairro do Brás, em São Paulo, neste domingo, dia 12 de Dezembro de 2010. Com mandato de fechamento das portas desde o dia 20 de Agosto de 2010, deferido pela juíza Maria Grabriella Pavlopoulos Spaolonzi, da 13ª Vara Cível de São Paulo, a sede mundial da Igreja Mundial do Poder de Deus, na Rua Visconde de Parnaíba, 419 e Rua Caetano Pinto, 584, recebeu multa por dias de funcionamento após a ordem de fechamento, no valor de R$ 30.000,00.

“Nosso povo é peregrino, parecemos ciganos, mas não vamos peregrinar no deserto para sempre. Depois do deserto, Deus manda os anjos para nos servir. Foi assim com Jesus também”. Essa declaração, feita pelo Apóstolo Valdemiro Santiago em uma das reuniões realizadas no ginásio do Ibirapuera, na Rua Manoel da Nóbrega, 1361, retrata bem a maneira como a Igreja Mundial do Poder de Deus enfrentou a situação. Cultos e reuniões realizadas em diversos clubes, salões e ginásios dentro da cidade de São Paulo, dependendo de locações e de esforço para continuar seu trabalho. “Podem me prender, me matar, mas esta obra não vai parar”, foram as palavras do Apóstolo Valdemiro Santiago no dia 29 de Agosto, na primeira reunião realizada no ginásio da Portuguesa, comovido.

A acusação que fechava as portas do templo acusava que a igreja não possuía a licença adequada de instalação e funcionamento desde 2006 e que a mesma realizou adaptações para o funcionamento do templo sem a necessária autorização da prefeitura e atender ás normas de uso e segurança para ocupação da edificação. Ainda, acusava a igreja pelos problemas de transito nas imediações, diretrizes impostas pela CET e de desrespeitar o limite de lotação máximo fixados pelo Departamento de Controle Urbano, o Contru, de 8040 pessoas.

Em declaração a respeito das acusações, o Bispo Josivaldo Batista, Bispo líder do Brasil, diz que “Havia os documentos. Sempre tivemos os laudos de que estava tudo ok, mas somente agora, depois de muito jejum e oração, reconheceram e liberaram o funcionamento da igreja”. Quando perguntado aos Bispos presentes sobre como aconteceu a reabertura do Templo dos Milagres, o Bispo Sergio Costa resume em uma frase que se reprimia no coração de muitos: “Milagre. A mão de Deus”.

Após a perseguição de três meses e dez dias, a abertura das portas do Templo dos Milagres fora comemorada com a última Santa Ceia do ano de 2010, a Santa Ceia da Vitória. “Tenho enfrentado lutas extremas, mas entendo que Deus me ungiu para abençoar a sua vida, orar pela sua causa. É o que tenho feito. Às vezes, sei que não agrado, mas é o que tenho feito, tenho consciência de que estou ajudando. Se você observar bem, desenvolvemos um amor, um carinho muito grande entre a gente e mesmo eu sendo deste jeito, significa que o Espírito Santo tem revelado no seu coração exatamente o proposito do meu ministério. Você percebe que damos a minha vida para Deus te abençoar. E tudo que sofremos por causa da obra de Deus, uma coisa é certa e Deus me permite dizer, povo nenhum no mundo será abençoado como este povo. Pago o preço que for, mas meu povo será o povo mais abençoado deste mundo, você verá isso na sua vida”, desabafa o apóstolo Valdemiro Santiago. “Quem vê de fora, pensa que o fechamento é nossa luta, mas é uma gota d’água perto do que enfrentamos, mas ainda bem que nosso Deus amarra as águas, e o que é uma gota para Ele? O diabo não tinha onde esconder essa multidão toda orando pela abertura desta igreja”.

Durante a reunião, diversas vidas foram abençoadas, em uma verdadeira enxurrada de testemunhos, curas, milagres, libertação de vícios e de crimes, em verdadeira confirmação do nome do templo, onde a obra de Deus manifesta sua continuidade, mesmo frente às adversidades, vitoriosa. Com lágrimas nos olhos, o Apóstolo Valdemiro Santiago concluía dizendo: “Fico imaginando, quantas pessoas que receberam milagres, que foram salvas neste lugar, que encontraram paz, vida, sossego, vindo e encontrando as portas da igreja fechada. Muitos de vocês receberam nova vida através deste templo. Me pergunto o que sentem? A tristeza de todos vocês somados invadiu a minha vida. Quando entrava aqui neste lugar deserto todos os dias, chorava e pensava que muitos precisavam voltar aqui para serem abençoados e Deus nos trouxe de volta a este lugar consagrado, santo, para ser glorificado. O mundo vê isso, os milagres deste Deus vivo”.

Agradecido pelo Apóstolo Valdemiro Santiago ainda sobre o altar, o recém-eleito Deputado Federal, Missionário José Olímpio, recebia a seguinte homenagem: “agradeço a Deus por colocar este gigante na minha vida e em meu ministério”, em referência a seu esforço com a ação de reabertura da igreja frente à justiça, após muitos dias de luta.

Em mensagem a todos os fieis e membros que estiveram conosco, o Bispo Josivaldo Batista deixa a seguinte mensagem:

“Digo a todos que a glória da ultima casa será maior do que a primeira e todos que a partir de então que pisarem aqui no grande Templo dos Milagres, a nossa sede mundial da Igreja Mundial do Poder de Deus, Deus irá abençoar muito mais do que estava abençoando. Agradecemos a todos os bispos, pastores, obreiros, agradecemos a todos que oraram pela reabertura da igreja mundial, apóstolo, bispos, pastores, um agradecimento geral. Que Deus abençoe a todos em nome de Jesus”.

As concentrações de fé retornam a serem realizadas nos dias de domingo, às 9h00, 15h00 e 18h00, e nas segundas, terças e quintas-feiras, às 9h00, 15h00 e 19h00.

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Valdemiro Santiago pretende arrecadar R$ 60 mi para construção da sede da Igreja Mundial do Poder de Deus

O apóstolo Valdemiro Santiago (foto), da Igreja Mundial do Poder de Deus, desistiu de cobrar o trízimo, mas agora iniciou uma campanha de arrecadação de R$ 60 milhões para a construção em São Paulo de um novo templo, que passará a ser a sede da denominação.

Na televisão, ele mostrou onde será construído o templo, no Largo Treze, local de intensa movimentação de pessoas. A atual sede da igreja, no bairro do Brás, foi interditada pelo Tribunal de Justiça por oferecer perigo aos frequentadores.

Para que a arrecadação atinja a meta estabelecida, Valdemiro pediu aos fiéis que pelo menos 100 mil deles deem R$ 200 por mês. Em contrapartida, ele colocará o nome de cada doador no altar do novo templo, onde fará o ‘sacrifício’ de dormir por três noites seguidas.

Em dezembro de 2009, período de pagamento do 13º salário aos trabalhadores, ele lançou uma campanha para arrecadar 30% do total dos ganhos de cada fiel naquele mês. Desse percentual, 10% seriam do Pai, 10% do Filho e 10% do Espírito Santo. Era o trízimo.

Preso falso pastor que abriu 146 igrejas pelo país

Preso em São Borja o estelionatário suspeito de enganar vítimas em 12 Estados. O homem se passava por pastor e chegou a montar 146 igrejas no país.

O homem chegava nas cidades, montava uma igreja e pedia doações para os fiéis, alegando que usaria o dinheiro para projetos sociais. Depois de pegar o dinheiro fugia e trocava de nome. Ele ficava, em média, um ano em cada município.

O projeto atual do falso pastor era abrir uma faculdade de teologia em São Borja.

Segundo o delegado Luiz Nestor Martins Contreira, o falso pastor foi descoberto após gerar desconfiança nos fiéis.

A identidade do farsante só foi descoberta com as impressões digitais. Sabino Saldanha já havia utilizado ao menos cinco nomes diferentes, entre eles Laércio Alves da Silva, identidade usada na Fronteira Oeste.

O falso pastor tinha mandados de prisão decretados no Acre, em Rondônia, no Rio de Janeiro e no Rio Grande do Sul. Sabino Saldanha foi encaminhado ao presídio de São Borja.

Conheça o Monte Ararat, local onde segundo a Bíblia repousou a Arca de Noé

O Monte Ararat é tido como o lugar onde a Arca de Noé repousou após o fim do grande dilúvio, como contado no livro de Gênesis. Ponto culminante da Turquia, o monte fica perto das fronteiras do país com o Irã e a Armênia. Seu ponto mais alto fica a 5.165 metros do nível do mar.

O Ararat é, na verdade, um vulcão adormecido. Não se sabe ao certo quando foi sua última erupção, mas há relatos de um tremor de terra ocasionado por ele em 1840, sem a liberação de lava. Atualmente, um terço da montanha é permanentemente coberto de neve e gelo. Ao seu lado está o Pequeno Ararat, pico mais baixo, com 3.896 metros.

Era considerado impossível de ser escalado até 1829, quando o naturalista alemão Friedrich Parrot (à esquerda) e o escritor armênio Khachatur Abovian (à direita) chegaram ao seu topo. Ainda hoje, a escalada é difícil – as expedições levam cerca de 5 dias, com o tempo bom, para chegar ao cume.

Ao longo dos anos, muitos grupos de exploradores subiram ao Ararat na esperança de achar resquícios da famosa arca que Noé construiu, incumbido por Deus, para salvar sua família e várias espécies de animais de uma grande inundação que o Senhor lançaria sobre a terra para exterminar a raça humana, então dominada pela corrupção e violência (leia Gênesis 6:13). Há relatos sobre a crença na presença de restos da arca no monte turco feitos pelo historiador romano Flavio Josefo, por volta do ano 70 depois de Cristo (d.C), e pelo explorador veneziano Marco Polo, por volta de 1300.

Segundo os relatos bíblicos, Deus fez chover sobre a face da terra durante 40 dias e 40 noites. Ordenou ao patriarca Noé que construísse um grande barco segundo as especificações divinas, no qual ele refugiaria sua família e sete pares de animais considerados “limpos” e apenas um casal dos ditos animais “imundos”, para a perpetuação das espécies após a baixa das águas (leia Gênesis 7).

Questão de tradução

A Bíblia conta que a inundação durou 150 dias. Quando a água baixou, a arca repousou sobre “as montanhas de Ararat”. Este é um ponto que gerou discussão entre estudiosos da Bíblia por vários anos. No Livro Sagrado, Ararat é citada em outras duas passagens (II Reis 19:37 e Jeremias 51:27), onde fica claro que a referência é feita a uma região. Teólogos e historiadores alegam que a palavra “Ararat” se refere ao original “Urartu”, que foneticamente são muito parecidas, pois as vogais são praticamente suprimidas ao se falar. E “Urartu”, derivado da antiga Bíblia hebraica, era tanto o nome de um antigo reino da Idade do Ferro quanto uma expressão que significava “terra distante” ou “terra ao norte”. Em todo caso, o reino de Urartu era vasto, encerrando a região onde hoje se situa a Armênia e parte da Geórgia. Na tradução bíblica mais conhecida no Brasil, a de João Ferreira de Almeida, o texto está escrito literalmente “nas montanhas de Ararate”, não passando a ideia de um monte específico, podendo significar qualquer das outras regiões montanhosas da vasta área urartiana.

A despeito de ser o Monte Ararat o real local de repouso da grande arca, vários exploradores fazem até hoje expedições à montanha. Alguns, frequentemente, afirmam achar resquícios da Arca de Noé, descoberta que faria inveja até a um Indiana Jones. Sobre essa constante procura pela glória da descoberta, o arqueólogo brasileiro Rodrigo Silva, responsável pelo Museu de Arqueologia Bíblica Paulo Bork, no interior paulista, é categórico: “Até hoje, 43 ‘exploradores’ afirmaram achar resquícios da Arca de Noé. Só que cada um em um lugar completamente diferente do outro. Definitivamente, nunca foi achado qualquer indício da grande arca no Monte Ararat ou outro local.”

Grande fronteira

O complexo do Ararat, incluídos o Grande e o Pequeno, tem cerca de 40 quilômetros de diâmetro, na região da Anatólia, na Turquia, onde o monte é chamado Ağrı Dağı (“montanha da dor”). O ponto culminante do maciço do Ararat fica a 16 quilômetros a leste do Irã e a 32 quilômetros ao sul da fronteira com a Armênia. O monte é um dos símbolos nacionais da Armênia, dominando o horizonte de sua capital, Erevan (ou Yerevan), constando do brasão oficial do país (à esquerda).

Mesmo que o Ararat não seja o local onde a Arca de Noé “atracou”, ou se a grande embarcação sequer existiu, como acreditam alguns, o importante é a lição dada na história por Noé em acreditar no Senhor quando todos riam dele. Há relatos do grande dilúvio em outras culturas, algumas até com um grande barco que salvaria a poucos, como no épico babilônico de Gilgamesh. Rodrigo Silva é pontual em sua colocação quanto aos “descobridores” da arca, precisão necessária à sua profissão. Mas o arqueólogo brasileiro tem uma ótima resposta para quem questionar sua fé: “Para mim, basta o relato bíblico. Se está na Bíblia descrito, é mais do que suficiente para eu acreditar.”

Pastor dinamarquês enforca criatura “demoníaca” para “salvar o Natal”

O pastor Joh Knudsen, de cidade de Jutland Vendsyssel, na Dinamarca, enforcou um boneco de elfo e o dependurou na fachada de sua igreja (foto) para ‘salvar o Natal’, porque se trata de uma ‘criatura do diabo’.

Os elfos são semideuses da mitologia nórdica. Na literatura medieval, são descritos como criaturas belas e luminosas que vivem sob o solo das florestas. Em países nórdicos, eles são enfeites de Natal.

Para o pastor, contudo, os elfos são representantes do diabo que adoecem as criancinhas, entre outras maldades. Disse que enfeitar o Natal com elfos equivale a hastear bandeiras nazistas em festa religiosa.

No boneco enforcado, Joh Knudsen colocou uma mensagem: “Rejeitamos o Satanás e todas as suas obras e promessas vazias”.

Alguns fiéis deram apoio ao ‘enforcamento’ e outros acharam que o pastor exagerou. Um destes tirou de madrugada o elfo da forca e deixou recado ao pastor de que a criatura ficará em lugar seguro até a passagem do Ano Novo.

Knudsen deu queixa na polícia e disse saber quem ‘salvou’ a criatura do diabo. A polícia afirmou que não podia cuidar do caso porque, nesta época do ano, ter coisa mais importante que fazer do que investigar o roubo de um boneco de pelúcia.

Campanha “#EuVouCasarVirgem” idealizada por Felippe Valadão é destaque no twitter

Uma campanha que propõe aos jovens a virgindade até o casamento está chamando a atenção no Twitter. O pastor de jovens e cantor Felippe Valadão, da Igreja Batista da Lagoinha, em Belo Horizonte (MG), lançou #EuVouCasarVirgem!, que ganhou o apoio de centenas de jovens no microblog.

Felippe afirma ter se casado virgem com a também pastora e cantora gospel Mariana Valadão. “Eu me casei virgem, foi muito difícil, mas nunca tive vergonha. Eu sabia que Deus iria me honrar, hoje tenho um casamento maravilhoso”, escreveu o cantor no Twitter. Aos que já não são mais virgens, ele fala sobre consagração e afirma que não é tarde para recomeçar.

A campanha é uma novidade no Twitter, mas antes muitas celebridades já defendiam essa postura, como o jogador de futebol Kaká, que declarou que se casou virgem; os meninos dos Jonas Brothers, que inclusive usam anéis de castidade e até mesmo o ídolo teen do momento, o cantor Justin Bieber, 16, que não usa anel, mas garante que pretende o momento certo.

Só depois do casamento

Fieis da Igreja Batista Filadélfia, no bairro Consolação, em Vitória, o casal Rafaella Farias, 22, e Guilherme Gavazza, 23, resolveram se guardar para a noite de núpcias. O casamento está marcado para agosto do ano que vem. “Eu já pensava de forma diferente das minhas amigas antes de frequentar a igreja. Quando não há sexo, o casal tem oportunidade de se conhecer melhor”, conta Rafaella.

O noivo Guilherme admite que não é fácil, mas defende que vale a pena. “Evitamos ficar sozinhos por muito tempo e costumamos sair sempre com os amigos, mas namoro não é só beijo e abraço. Precisa existir muita comunicação”, diz o jovem, fiel da igreja desde os 18.

O apóstolo da Igreja Batista Filadélfia, Ozenir Correia, lembra de outro movimento que prega a abstinência sexual antes do casamento, o Anel de Prata. “Surgiu nos Estados Unidos e, há dois anos, é amplamente divulgado no Estado. Essas iniciativas só reforçam a orientação que damos aos jovens”, afirma.

Eles não pensam só em namorar

Além de se manterem firmes no propósito de se casarem virgens, há jovens que também optaram por namorar só depois de completar 18 anos. Esse é o caso de Amanda Suave Silva, 14 anos. Ela diz que na escola os colegas falam muito de sexo, mas ela prefere se afastar. “Duas meninas da minha sala, com 14 anos, ficaram grávidas. Não quero isso para mim. Meus colegas de escola falam de sexo o tempo todo, mas decidi não ser igual a todo mundo”, diz a adolescente.

Seu irmão, Wilbert Suave Silva, já tem 18 anos, mas ainda não pensa em se amarrar. “No passado, gostei muito de uma menina, mas vi que não era a hora de namorar. Acredito que o namoro ?quebra? a adolescência. Vejo namorados na escola muito amarrados, que acabam se isolando, além de passarem por problemas que não deveriam enfrentar ainda”, conta Wilbert, que é alvo constante de brincadeiras na escola.

Já Julielly Silva, 20, foi criada desde pequena na igreja e, por isso, diz que não sofre tanta pressão dos amigos. “Todos, tanto na época da escola quanto agora na faculdade, me respeitam. Escuto algumas brincadeiras bobas, mas não fico chateada, eu já esperava por isso. Não existe uma pessoa perfeita, mas dizemos muito que estamos à procura de um príncipe e de uma princesa encantada. Estou determinada a esperar”, afirma a estudante.

“Nós fomos nos descobrindo juntos”

Eles se casaram virgens e não se arrependeram. Diego Alberto, 22, e Ana Paula Correia, 22, estão juntos há quase dois anos e já esperam um herdeiro, que se chamará Calebe. Grávida de seis meses, a jovem diz que sofreu com o preconceito. “Ouvi dos outros que eu tinha casado porque estava grávida ou por pressão dos meus pais”, afirma Ana Paula.

Diego também sofreu pressão dos tios, principalmente aos 15 anos. “Eles quiseram impor o teste da masculinidade e fizeram vários convites. Foi difícil, mas eu soube lidar com isso”. Sobre o fato de ter planejado a perda da virgindade, Ana Paula confessa. “Deu um frio na barriga antes do casamento, mas conversei com meus pais e amigas casadas. Nós fomos nos descobrindo juntos”, conta.

Veja algumas manifestações dos jovens que aderiram à campanha:

“Não ceda a pressão da sociedade, muito menos do seu namorado (a)”

“Sexo seguro existe e se chama Casamento!”

“Antes ser careta do que apoiar a inversão de valores desse mundo”

“Não porque tenho medo da minha 1ª vez, é porque sei que se eu esperar, todo meu casamento será abençoado!”

“Apoiamos a campanha #euVouCasarVirgem. Muito Bom! Mas fica uma pergunta: o que é ser virgem pra você?”

“Jovem, seja forte, renuncie suas vontades”

“Não abra mão da sua promessa, quem ama espera, não não tenha pressa”

“Já estou noivo! O que custa espera mais um pouco?